Postagens

Imagem
ALFABETO DA MENTE: À ARTE DE LER O INCONSCIENTE 
por Rodrigo Wentzcovitch Marcilio A maior das invenções humanas sem duvida alguma foram as letras, o alfabeto que nos permitiu registrar o conhecimento e legá-lo as gerações seguintes, que não precisariam mais recomeçarem do zero, tal qual os outros animais. De gestos a grunhidos, das letras às palavras, deve ter sido uma revolução e tanto nisso que começou como arte sem dúvida, a primeira e sagrada experiência que nos distanciou de todo o reino animal do qual somos parte. Relatamos acontecimentos que apesar de passados, se faziam presentes novamente como magia, um mantra que recitávamos das aventuras dos nossos ancestrais, que assim como as grandes caçadas e expedições a terras distantes, ficaram eternizadas em pedra primeiramente, para evoluírem ao papel e agora estão literalmente escritos nas nuvens, como a revolução tecnológica proclamou aos quatro ventos por todo o mundo.  Onde entra a mente em tudo isso?  Bem eis que a mente entra ni…

Deixar um Legado

Imagem
O Artista e sua Obra
“Como é possível, senhora, que todos os homens aprendam
pela longa experiência? Formas que parecem vivas,
esculpidas na dura montanha de mármore, sobreviverão
ao seu autor, cujos anos ao pó retornam!

Assim produz frutos. A arte teve a sua vez,
e triunfa sobre a Natureza. Eu, que luto
com a Escultura, sei muito bem; suas maravilhas
vivem o despeito do tempo e da morte, estes implacáveis tiranos.

Portanto, posso dar vida longa a nós ambos
de uma forma ou de outra, na cor e na pedra,
fazendo o semblante do seu rosto e do meu.” Poema escrito pelo Escultor e Pintor Renascentista Michelangelo

O poema trata de questões importantes como a imortalidade e sobre a necessidade de deixarmos um legado, uma contribuição que atravesse e sobreviva por várias gerações, ao enfrentar ás intempéries da vida e do tempo limitadamente humanos.
Poderíamos generalizar de que tudo o que vive tem como propósito maior, perpetuar a sua espécie... partindo dos seres mais simples... unicelulares... aos…

Tornar-se Herói

Imagem
Na Mitologia, Herói era todo aquele que diferenciava-se da maioria, por seu feitos ou habilidades extraordinárias, reconhecidas entre seus pares. Para os habitantes de sua tribo, colônia ou clã, o Herói transmitia a impressão de que controlava o seu próprio Destino, de que seria capaz de ir contra as forças naturais ou divinas que recaiam sobre os demais. Há em jogo aqui duas visões de quem era o Herói, a primeira e mais distante de ser atingida, o considerava como um Ser Semidivino produto formado da concepção de um Deus com uma Mortal (Humana), logo sua constituição não seria igual ao dos Mortais conferindo-lhe suas habilidades especiais. A segunda e mais próxima de nós, é que a partir da sua própria vontade ou “liberdade” isto lhe conferia o status e simpatia dos Deuses que o viam como um Mortal que se equivalia a um Deus, e que por isso mereceria a sua simpatia. Neste sentido os talentos herdados, seriam na verdade presentes divinos. Aos demais restaria estarem presos a sua Natur…

A Canção dos Homens

Imagem
E se pudessemos aprender a nossa canção, como seriamos???
Paz e Guerra coexistem em nossos corações...
Tudo depende de qual dos caminhos desejamos trilhar!!!
O Herói luta pela Paz Interior...
A Hora é Agora...
Pax e Lux !!!

A Pequena Onda Perdida

Imagem
Certa vez existiu uma pequena onda que havia se tornado cansada, inquieta, desgastada por suas idas e vindas entre o horizonte e a costa. Um dia, ela ouviu falar sobre um Grande Oceano onde não havia perambulações inquietas à mercê da marés, onde tudo era quieto e cheio de amor. Um enorme desejo surgiu em si para encontrar este lugar pacifico, mas ela não sabia por onde começar.
“Você o caminho para o Grande Oceano?”, ela perguntava às outras ondas conforme elas passavam. Uma certa onda, uma anciã que estava muito oprimida com algas marinhas, disse-lhe: “Eu ouvi que se nós formos ondas muito bondosas e gentis, e vivermos vidas muito, mas muito boas, então quando morrermos, o Grande Oceano é onde nos encontraremos”. “Vocês estão todas iludidas, não existe tal coisa como esse Oceano”, adicionou cinicamente uma onda redemoinho.
“Ei! Venha comigo!”, chamou uma onda fresca com uma voz amigável. “Eu conheço uma onda sábia que, na verdade, esteve nesse Grande Oceano e o conhece bem. Eu vou …

A Sombra Sagrada

Imagem
Certa vez, houve um sábio tão bondoso que os anjos pediram a Deus que o agraciasse com o dom dos milagres. Os anjos desceram então até a Terra para perguntar ao sábio se ele queria uma benção dessas: “Gostaria que o toque das tuas mãos curasse os enfermos?” “Não”, respondeu o sábio, “eu prefiro que Deus faça isso”. Mas os anjos insistiram, “Então, gostaria de converter os outros, trazendo para o caminho da verdade das almas errantes?”Não”, reafirmou o sábio, “eu apenas sirvo, não converto?” “Mas o que é que desejas então”? perguntaram os anjos. O santo refletiu por um momento e respondeu: “Eu gostaria de sempre poder fazer o bem, sem no entanto jamais saber disso”.
Os anjos então ficaram perplexos. Finalmente, decidiram pôr em prática o seguinte plano: cada vez que a sombra do sábio se projetava atrás de si, ou a seu lado, onde ele não podia vê-la, ela tinha o poder de curar as enfermidades, aliviar a dor e diminuir a tristeza. E assim, sempre que o sábio punha-se a caminhar, sua sombr…

O Centésimo Macaco

Imagem
Vivemos dentro de uma ilusão, a de sermos separados uns do outros e do mundo ao nosso redor. Sentimos dor ou tristeza porque nos isolamos das pessoas ou coisas que amamos, ao passo que nos sentimos inspirados ou alegres, porque estamos em unidade, com as mesmas coisas ou pessoas que antes nos sentiamos separados. Podemos explicar todos os desafios e sucessos humanos com base nesse pensamento e se estamos preocupados com os riscos que a natureza corre ou com a violência no mundo, é porque sentimos a mesma dor, e a compartilhamos como uma só. Ao reconhecermos em nós as Conexões Sagradas nos tornamos mais conscientes do conceito de unidade, passando a levar em conta as implicações das nossas ações para o todo, e em nossas vidas.  
Ou como no Discurso do Chefe Seatlle, em sua Carta ao Presidente dos EUA em 1855:
“Tudo o que acontece à Terra – acontece aos filhos da Terra.
O homem não teceu a teia da vida – ele é meramente um fio dela.
O que quer que ele faça à teia, ele faz a si mesmo.”

Há u…